Que imagem de mãe você passa aos seus filhos?

Posted on


Repasse mentalmente as últimas semanas. Como você tem se sentido? O que tem feito? O que tem falado? Como tem cuidado do equilíbrio entre seus interesses e os das crianças?

Caso a essa altura perceba que anda estressada porque tem negligenciado seus projetos pessoais, ou, ao contrário, só tem se dedicado a você e anda frustrada com questões familiares, é hora de refletir.

Como suas escolhas tem interferido na sua capacidade de se sentir realizada? Que registros seus filhos estão fazendo sobre quem você é?

Não existe receita para ser boa mãe. Mas parece claro que viver tensa e impaciente, por não se sentir capaz de equilibrar partes importantes de si, não gera a sensação de segurança e coerência que imaginamos que uma mãe deva proporcionar.

Não importa quais sejam suas escolhas, desde que sejam escolhas e não circunstâncias.

“Escolhi ser mãe em tempo integral por tempo indeterminado”. OK.

“Escolhi ser mãe durante os primeiros anos e pretendo retomar minha carreira em dois anos” Ok.

“Parei de trabalhar porque não consegui deixar meu filho quando nasceu. Já se passaram 5 anos e tenho muito medo de não me recolocar mais no mercado de trabalho”. Opa, sinal de alerta! “Escolhi investir na minha carreira e delegar a rotina das crianças a pessoas da minha confiança”. Ok.

“Sempre quis cuidar pessoalmente dos meus filhos, mas minha chefe sempre me faz propostas irrecusáveis para trabalhar mais” Opa, problemas à vista!

Nenhuma escolha está livre de crises passageiras. Há dias em que questionamos até nossas escolhas mais convictas e tentamos imaginar como seria se tivéssemos escolhido a posição oposta.

Mas viver em constante sensação de que há algo negligenciado porque não conseguimos nos organizar para escolher dá margem para infelicidade constante. De mães e filhos.

O exemplo dado foi do trabalho, mas vale também para a vida afetiva, cuidados com a saúde e o corpo, vida social, sonhos e desejos abandonados pelo caminho.

Faça escolhas. Se você se respeita e vive em coerência com suas escolhas, seus filhos farão uma boa imagem de você, porque você estará mais leve, realizada e feliz.

O dia-a-dia muitas vezes engole nosso tempo e nossa capacidade de refletir. O Núcleo da Família é uma clínica de psicologia dedicada ao desenvolvimento infantil e à relação entre pais e filhos. Sabemos que cuidando da mãe, cuidamos também da família. Se precisar de ajuda para pensar sobre suas escolhas, entre em contato conosco.

______________________________________________________________________________

Texto por Núcleo da Família – Clínica de Psicologia http://www.nucleodafamilia.com.br / Telefone: (11) 4872-2935 / e-mail: contato@nucleodafamilia.com.br / Endereço: Avenida Rouxinol, 60 – conjuntos 708/710 – Moema – São Paulo – SP / Horário de Atendimento: Segunda a Sexta das 7 às 21h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *